Equipe Lego Lords entrevista o médico Cardiologista Dr. Gilberto Dian, para projeto de pesquisa FLL 2012

Postado em 30/11/2012 por Renata Terra.

Com informações de Professora Simone Capucho.

Visualizado 812 vezes.


Um dos últimos compromissos da equipe Lego Lords antes da viagem, e essencial para o projeto de pesquisa, foi a entrevista com o médico Cardiologista, Dr. Gilberto Dian que aconteceu no dia 23 de Novembro na Med Cor em Cachoeiro de Itapemirim. Nosso encontro também contou com a presença da nossa mentora Jacqueline Damasceno e da nossa professora de Biologia Simone Capucho.

               

Em nossa entrevista fomos muito bem recebidos pelo médico Cardiologista, que nos deu informações peculiares e indispensáveis para o aprimoramento do nosso projeto de pesquisa. Além de nos explicar um pouco mais sobre a Hipertensão Arterial, tema do nosso trabalho, Dr. Gilberto também, colocou-se á disposição para avaliar nosso projeto e nos orientou do ponto de vista Cardiológico no que precisávamos melhorar e acrescentar. Isto foi, para nós, um momento de grande valia, uma vez que tivemos um médico para nos auxiliar.

               

Além de nossas expectativas Dr. Gilberto ainda nos relatou alguns dados sobre as doenças cardiovasculares que atualmente mais matam no mundo. Nesse contexto, a maior causa de morte súbita em idosos é a arritmia cardíaca, um descompasso dos batimentos do coração, ou seja, a falta de ritmo cardíaco.

              

Na oportunidade o médico ainda citou que a hipertensão também é uma das maiores preocupações dos dias de hoje, e que na faixa etária acima de 50 anos, de cada 10 pessoas, 7 são hipertensas e 5 não sabem que possuem a doença, o que preocupa seriamente os médicos. Durante toda entrevista que durou cerca de uma hora, tivemos a oportunidade de tirar nossas dúvidas e apresentarmos nossas sugestões a respeito do assunto.

              

Terminamos nossa entrevista agradecendo ao médico Dr. Gilberto Dian pela disponibilidade e parceria em nosso projeto, e tendo a certeza de que nós, assim como ele, acreditamos  na diminuição e melhoria dos problemas cardiovasculares dos idosos.