Emergência poética: Poesia, um santo remédio

Postado em 18/03/2014 por Renata Terra.

Com informações de Professora de Língua Portuguesa, Patrícia Peres.

Visualizado 941 vezes.


Os alunos dos 8ºs anos, nas aulas da Profª Patrícia P. Nicolini, aprofundaram os estudos sobre poesia lírica e chegaram à conclusão de que a poesia tem lugar no século XXI. Ela pode estar em qualquer lugar, é uma questão de saber olhar. Por ser tão especial, a poesia ganhou um dia específico, criado em homenagem ao poeta brasileiro Antonio F. de Castro Alves.

 

O Dia da Poesia foi comemorado em grande estilo nesse 14 de março de 2014:  além de um delicioso café da manhã compartilhado entre os dois 8°s anos, os alunos declamaram poesias, realizaram apresentações musicais e protagonizaram a primeira ação em homenagem ao IV Centenário de Morte de São Camilo de Lellis.

 

Nessa ação, os alunos relembraram o exemplo de servir ao próximo e o amor que São Camilo dedicava a todos os doentes. Num ato simbólico, entregaram uma cápsula de remédio, contendo uma poesia para todos os funcionários dos quatorze setores da instituição – Poesia, santo remédio!

 

A chegada em cada setor era marcada por músicas ao violão, declamação e depois da explicação sobre a importância da ação, entregavam ao colaborador camiliano a cápsula “milagrosa” contendo a poesia.

 

Assim, os alunos compreenderam a importância de ser útil e servir o outro da melhor maneira possível.