Cálculo mental: “O jogo da Velha”

Postado em 31/10/2014 por Renata Rizo Terra Terra.

Com informações de Professora de Xadrez, Alexandra Dorigheto.

Visualizado 1189 vezes.


Com o objetivo de ajudar o aluno a desenvolver estratégias de cálculo mental, a professora Alexandra Dorigheto propôs aos seus alunos dos 4ºs anos o “JOGO DA VELHA”.

 

Para trabalhar a Matemática, o Jogo da Velha é adaptado. Cada jogador, na sua vez de jogar, escolhe dois números da lista e diz para os colegas os números escolhidos (fatores da multiplicação). Para escolher os fatores e acertar o resultado da “casa” do jogo, o jogador deve fazer o cálculo mentalmente. Em seguida, usando a calculadora, o colega confere a multiplicação com os fatores escolhidos. Se o resultado (produto) encontrado estiver no quadro, o jogador coloca o seu símbolo sobre ele. Se não estiver, ou se a casa já estiver preenchida, passa sua vez.

 

O objetivo do jogo é o mesmo do jogo tradicional, assinalar três símbolos consecutivos na vertical, horizontal ou diagonal, e, ao mesmo tempo, impedir que o adversário feche o jogo. Nesse tipo de jogo, nem sempre há vencedor.

 

No jogo proposto, além dessa lógica, o aluno tem de estar atento às escolhas que fará para assinalar a casa desejada. Para isso, deverá usar estratégias de cálculo mental antes de fazer a escolha dos dois fatores. Depois de feita a escolha, não poderá voltar atrás.

 

Durante o jogo, os alunos vão descobrindo estratégias que facilitam seu raciocínio, como por exemplo, os maiores fatores resultam no maior produto. Tais descobertas deverão ser socializadas ao final de cada rodada.