Procura-se Feiurinha

Postado em 31/10/2014 por Renata Rizo Terra Terra.

Com informações de Professora de Língua Portuguesa, Vanessa Juriatto S. Pedroni.

Visualizado 738 vezes.


A história “O Fantástico Mistério de Feiurinha”, escrita por Pedro Bandeira, nos faz refletir sobre sensações íntimas e universais como o amor, a rejeição, o medo, a alegria, o ciúme... Tudo isso acontece em universo imaginário cheio de princesas, príncipes, bruxas, etc. Nessa história, a heroína é uma princesa que desaparece de modo misterioso. Branca de Neve, Cinderela, Chapeuzinho Vermelho junto com outras personagens resolvem pedir ajuda ao escritor para encontrá-la. No conto, estão presentes o jogo constante entre a realidade e a fantasia, a referência aos contos de fadas, à literatura oral e muitas observações divertidas sobre o processo de criação do escritor.

 

A partir de apresentações teatrais feitas com base nessa obra literária selecionada para o trabalho no 1º semestre escolar, os alunos, os pais e os professores dos 6ºs anos M1 e M2 foram desafiados, no Salão de Eventos – Campus II, a procurar Feiurinha, uma personagem que desapareceu dos contos de fadas! Os locais previstos para iniciar a procura foram Domingos Martins, Igreja Luterana, Rio Benevente, Convento da Penha, Ruínas Jesuíticas e Pedra Azul, lugares esses visitados pelos alunos dos 6ºs anos na Viagem de Estudos.

           

A apresentação foi uma ótima oportunidade para mostrar um texto teatral com suas diferenças em relação ao texto narrativo: os diálogos, as indicações para atores, a descrição dos cenários... Essa atmosfera foi trabalhada nas aulas de Língua Portuguesa e Produção de Texto, ministradas pela professora Vanessa Juriatto S. Pedroni, e de Artes, ministradas pelo professor Rodrigo Abras, em parceria com a Coordenação de Ensino, representada por Miria Couto, com a secretária Juliana Sueth e com as estagiárias Pamela, Samyc e Jéssica, que também compõem a equipe do segmento.

           

Durante as apresentações, conforme já mencionado, Feiurinha foi procurada em diversos lugares visitados pelos alunos na Viagem de Estudos. Nesses lugares, eles não encontraram a princesa, pois apenas o escritor saberia onde ela poderia ser eternizada: NOS LIVROS.

           

Parabéns aos alunos dos 6ºs anos M1 e M2 pelo belíssimo espetáculo!