Educação Inclusiva é discutida em I Jornada Pedagógica

Postado em 02/06/2015 por Gilliane Correia Wichello .

Com informações de Coordenação do curso de Pedagogia.

Visualizado 889 vezes.


Com o objetivo de atualizaracadêmicos, profissionais da educaçãoeparticipantes, noqueserefereaosprincípiosnorteadoresdaEducaçãoInclusivaealgunseixosqueabrangemessagrandeárea, foi realizada, de 26 a 29 de maio, a I Jornada Pedagógica, preparada pelo curso de Pedagogia do Centro Universitário São Camilo.

 

A abertura aconteceu em grande estilo no Ginásio Poliesportivo da instituição. Os participantes foram recepcionados pelo coral de alunos do 7.º período de Pedagogia. A mesa de solene foi composta pelo Pró-reitor Acadêmico Prof. Dr. Marcos Oliveira Athayde, que se encantou pelo evento e pelo ginásio lotado de alunos, a Coordenadora do curso Prof.ª Cristina Lens de Bastos Vargas que agradeceu as presenças dos demais cursos de graduação da instituição e de todo o colegiado que se comprometeu para que o evento fosse um sucesso e a Prof.ª Magali Paraguassu Posse, emocionada, desejou aos presentes que pudessem aproveitar cada momento da jornada para conhecerem um pouco mais sobre a Educação Inclusiva e seus desafios.

 

Aproximadamente 1.000 pessoas se fizeram presentes no ginásio poliesportivo da instituição. Um público interessado em discutir os principais eixos da Educação Inclusiva: Especial, Educação do Campo e Diversidade Sexual e a Jornada Pedagógica foi uma oportunidade de apresentar reflexões valiosas sobre o contexto educacional e estrutura curricular esses componentes.

 

Os curso de Pedagogia fez bonito também nas atividades culturais, além do coral, apresentação de dança, música e ainda o testemunho emocionado da Sr.ª Pollyana Paraguassu sobre o autismo.

 

A palestra “Educação Inclusiva com Ênfase na Educação Especial”, com o Prof. Eugênio Cunha foi a mais aguardada da noite. O Doutorando e mestre em educação fez um relato de suas experiências sobre a Educação Especial, enfatizando o autismo. O Prof. Eugênio já escreveu diversas obras sobre o tema e, durante sua fala, expôs para os presentes alguns pontos relevantes a serem discutidos.

 

No dia seguinte, 28 de maio, as atividades aconteceram no auditório Pe. Ângelo Brusco. Desta vez, os participantes discutiram “A importância da Educação do Campo para a formação docente”, com a Prof.ª Elande Cristina Rangel, que trouxe várias vertentes para que os futuros professores pudessem conhecer e buscar um ponto para ser utilizado em suas salas de aula.

 

Todo o evento foi um sucesso e, para encerrar a programação, aconteceram oficinas temáticas em salas de aula “Lego na Educação Básica”, “Diversidade Sexual” e “Alfabetização”, ministradas pelos professores do curso de Pedagogia.

 

A primeira edição da Jornada Pedagógica se despediu com um gostinho de “quero mais” e é por isso que a São Camilo se orgulha de eventos que buscam a inovação e a capacitação de seus futuros profissionais. Parabéns aos idealizadores e participantes!