História e arte: impressões e expressões da liberdade

Postado em 24/05/2016 por Gilliane Correia Wichello.

Com informações de Coordenação do curso de História.

Visualizado 1064 vezes.


Discentes do curso, egressos e alunos do Ensino Médio das escolas estaduais do sul do estado do Espírito Santo participaram, de 17 a 20 de maio, da XI Semana de História do Centro Universitário São Camilo-ES, este ano com a temática “História e arte: impressões e expressões da liberdade”.

O evento foi diversificado e oportunizou aos participantes momentos culturais envolventes e participações de profissionais experientes em suas áreas. No primeiro dia do evento, a apresentação cultural no pátio da instituição chamou a atenção dos acadêmicos que chegavam para as aulas. Muita música e declamação de textos. Um sucesso!

 

O dia 17 também reservou aos participantes a oficina de arte, no período vespertino, o lançamento da exposição “Expressões da Renascença”, organizada pelo 3.º período de História, na Biblioteca, e a mostra de trabalhos “Impressões e Expressões da História, no Térreo do Bloco I.

 

A abertura oficial aconteceu às 19h, no auditório Pe. Ângelo Brusco. A coordenadora do curso de História fez um breve parâmetro do que seria realizado durante toda semana e ainda declamou uma estrofe de “O menestrel”, de William Shakespeare, enfatizando a atemporalidade nas palavras do escritor. Em seguida, o autor Paulo Roberto de Guimarães, lançou seu livro: 100 anos sem anos dourados. Outra participação muito especial foi a do grupo de Associação Desportiva e Cultural Navio Negreiro, que fez uma linda apresentação no Ginásio Poliesportivo da instituição.

 

Durante toda a semana, ocorreram oficinas para a participação dos acadêmicos.

 

A XI Semana de História contou ainda com a conferência: Patrimônio Cultural e Religioso – Salvaguarda e Zeladoria, com a Sr.ª Cora Augusta Duarte Aguieira e a mesa redonda “Fazendo arte: desafios das práticas artísticas em sala de aula”, com os professores: Beatriz Fraga, Diogo Lube, Felipe Gonçalves e Aline Freitas e a mediação do Prof. Rafael Magalhães.

 

Foi uma semana agitada para os acadêmicos de História. Temos a certeza de que a finalidade do evento de discutir as abordagens e temáticas em História, Educação e Pesquisa, com relação às Ciências Sociais e à História, por meio da socialização de pesquisas, oficinas e de estudos com discentes, docentes da instituição e professores e pesquisadores convidados, foi alcançada com louvor.

 

Parabéns ao curso de História!